Botando a boca do mundo – ou – não comprem aparelhos BOSCH

Quem frequenta este cantinho sabe que ele anda meio errático. Muitas novidades, muitas mudanças,alguns incidentes, e ele ficou meio relegado. Mesmo relegado, eu sempre volto para ver quem passou, os recadinhos, as amigas, tudo!

Somente hoje eu recebi dois comentários de clientes indignados da TIM, que vieram dividir comigo as suas más experiências com essa empresa, campeã de reclamações, da qual eu sou cliente-refém, até que a minha região seja incluída na norma de portabilidade das linhas – e aí, a TIM que se cuide comigo!

Agora a TIM ganhou uma concorrente mais que à altura na minha indignação. Minha geladeira Bosch, frostfree, 44 litros, começou a dar defeitos antes de completar 3 anos de uso. Ao longo do seu 4o ano de serviços mal-prestados, parou de funcionar umas 6 ou 7 vezes. Na primeira delas, chamamos uma assistência da região, que efetuou os reparos, cobrou um valor significativo, mas tudo voltou ao normal.

Depois do defeito se repetir umas 3 vezes, e de eles terem que vir e consertar sem cobrar, em função da garantia do serviço fomos informados que a geladeira tem um defeito de engenharia, e que este modelo apresenta o mesmo defeito recorrentemente, e que a única forma de resolver seria trocando todos os componentes eletrônicos, o que representaria quase metade do preço original da geladeira.

Imaginem eu, grávida, sem empregada, trabalhando o dia todo, chegar em casa em média uma vez por mês e me descobrir sem geladeira, e tendo perdido tudo o que estava dentro dela? Cheguei a pensar em trocar a geladeira por uma de outra marca, mas resolvemos antes apelar para a fábrica, já que o defeito era de engenharia, independente de estar fora do período de garantia original.

Aí começou a minha irritação de fato. A fábrica se dispunha a mandar uma assistência autorizada, localizada em outra cidade, já que na minha não há nenhuma. Eu deveria arcar com a taxa de visita, a despeito de já ter direito à visita da outra assistência, para depois, a critério da Bosch, eles decidirem pelo reembolso ou não. Além disso, eu deveria esperar a disponibilidade deles para visita, também a despeito de estar grávida e sem geladeira. Naturalmente, eu autorizei o conserto pela assistência que já havia me atendido e fiquei esperando o contato da assistência enviada pela fábrica … que aconteceu MAIS DE UMA SEMANA DEPOIS!!

Quando finalmente me contactaram, alegaram que, como o aparelho não apresentava defeito naquele momento eles nada poderiam fazer, mesmo eu tendo o laudo com o todo o histórico do problema emitido pela primeira empresa. Solução proposta: aguardar um novo defeito, para, depois de perder tudo de novo, e, no momento em que eles decidissem vir, pagar, esperar pelo diagnóstico deles, e rezar pela boa vontade.

Enfurecidos, nos metemos a preparar uma resposta à altura – pesquisando, o Gui descobriu dezenas de pessoas no orkut e em outros foruns relatando EXATAMENTE o mesmo problema, com o mesmo modelo de geladeira, e com o mesmo padrão de atendimento da fábrica.

Cortando alguns detalhes para não me estender demais, a solução que eu encontrei foi mais drástica e eficiente. Mandei um e-mail raivoso para a fábrica, relatando mais ou menos o que eu relato aqui, mas copiando uma dúzia de editorias de atendimento a clientes de veículos de comunicação de diferentes portes e meios. No dia seguinte apareceu um técnico, com uma ordem de serviço escrita em letras garrafais “caso imprensa”, com instrução para diagnosticar o problema – sem custo – e, dois dias depois, para substituir a peça.

Depois do conserto, a geladeira ainda demorou quase 24 horas para voltar a gelar, e eu novamente perdi vários alimentos – agora estou aguardando para ver os próximos dias… mas, a Bosch que se cuide se esta geladeira voltar a dar defeito. Eu pretendo botar fogo na mesma em local público com a presença da imprensa – de barrigão de grávida aparente e tudo o mais.

Quem me conhece sabe que não é do meu perfil esse tipo de exposição pública escandalosa… mas pelo visto este é o único caminho para se ter a atenção mínima merecida em caso de erro pelas empresas. Então, que assim seja – jogaremos pelas regras do jogo!!!

Anúncios

10 comentários sobre “Botando a boca do mundo – ou – não comprem aparelhos BOSCH

  1. comprei um fros free,bosh knd43 cod.1806980 na casas bahia e nao esta gelando ,gostaria que voces fizessem a troca pois nao quero que concerte ,devido ter comprado nova e nao quero produto engatilhado peco providencias se terei que tomar obigado atenciosamente julio cesar da silva meneses um abraco

  2. Também tenho uma Bosch Intelligent Frost Free 44, que dá exatamente o mesmo problema. Até parece que o que li, foi relato da minha geladeira Bosch, para não falar outro nome parecido com esse….. que todo mundo já deve saber de tanta raiva que também estou. A minha vontade também é de botar fogo nela e em Praça Pública. E tem mais, também tinha uma máquina de lavar roupa da Bosch ( porque não tenho mais ), que com um ano e quatro meses tive tantos problemas com ela, chamei a Assistência Técnica aqui em casa, e depois de gastar muito, mas muito mesmo, sem obter resultado nenhum, comprei uma outra de outra marca, mesmo com o dinheiro contado. E sempre tanto a geladeira como a máquina de lavar Bosch me deixaram na mão. Tenho minha mãe com muita idade e muito doente que mora comigo, imagine o que estou passando. BOSCH NUNCA MAIS.

  3. IMAGINEI QUE EU ERA QUE TINHA ‘URUCUBACA”. MINHA GELADEIRA BOSCH INTELLIGENT FROST FREE 44 SIMPLEMENTE NÃO GELA MAIS. TÁ DANDO ATÉ MOFO . ISSO SEM CONTAR OS ESTALOS QUE EMITE DURANTE A NOITE, QUE ATÉ ACORDA A GENTE.
    AMIGA, SE VC PASSOU PELO PROBLEMA E CONSGUIU RESOLVÊ-LO, DIGA-ME QUAL O MELHOR CAMINHO A TOMAR , O MAIS RÁPIDO. NÃO AGUENTO MAIS TANTO LEITE AZEDO, E O “FURDUNÇO” QUE INVADE ATÉ A CASA.
    OBRIGADA.
    IZABEL COUTO

  4. Voce sabia que a BOSCH esta vendendo geladeira comum como se fosse FROSTFREE minha mãe comprou e me presenteou uma geladeira frost free, que na teoria deveria ter um sistema que evita a formação de gelo no freezer, porém a mesma apresenta uma forte presença de gelo inclusive nos alimentos ou seja esta funcionando como uma geladeira comum e penso que pode ate estragar os alimentos no freezer. Tendo comunicado a empresa e depois de ter passado por todas as etapas de verificação e exames da área técnica da BOSCH, o responsável declarou que eu não tenho por que reclamar que o aparelho esta funcionando normalmente e que é NORMAL essa formação de gelo no compartimento, então eu concluo que ele esta me afirmando que o aparelho não é frost free, mas que a empresa esta vendendo como se fosse. encerrado o processo não tenho outra alternativa a não ser reclamar aqui e é claro: DIVULGAR FORTEMENTE EM TODA A MÍDIA O OCORRIDO. acontece que depois de ir à assistência técnica a própria BOSCH veio à minha casa e disse que isso é normal, tive uma Brastemp por mais de dez anos e nunca vi gelo no compartimento do freezer, se isso acontece com a BOSCH é por que eles ainda não sabem como fazer funcionar o sistema, eles deveriam trocar o aparelho mas ao contrário simplesmente decidiram que isso é normal e eu que conviva com isso, mas não tenho duvida, enquanto não consertarem meu aparelho eu vou falar em todos os canais possíveis sobre isso. SE QUISER COMPRAR EU COMPRAREI UM BRASTEMP COM SEU DINHEIRO

  5. Tenho também uma Intelligent Frost Free KSU 44 – vaza também, já troquei a borracha e o tecnico me disse que o defeito do dreno é cronico nesse produto e que para trocar custa uma nota preta, pois, tem um defeito de engenharia na sua colocacao e necessita que se desmonte a geladeira para trocar!!!!

  6. Minha esposa e eu estamos com o mesmo proiblema em uma Frostfree 44. Uma semana depois da garantia parou …. Esta semana começou com os mesmos defeitos acima relatados e o mesmo desrespeito no atendimento. Segundo a Bosch não existe mais peça de reposição para ela. E de fato é vicio de produto.. TODAS apresentam o mesmo problema. Vou providenciar os meios legais de acionar o fabricante e NAO RECOMENDO A COMPRA da marca BOSCH e de seus pares de empresa (são do mesmo grupo) Dako, Continental, MABE, GE…. Segundo um dos tecnicos de boa vontade todas essas tem o mesmo padrão de atendimento.

  7. Estou com o mesmo problema, infelizmente em 19/01/2010 adquiri uma geladeira Bosch KDN43, achando que estava comprando um produto de qualidade. Mas para minha surpresa, 1 no e 3 meses depois a mesma simplesmente parou de funcionar.
    Bem num feriado, 21/04/2011, um calor infernal estava nesse dia, e eu ainda tinha que terminar minhas encomendas de ovos de páscoa.
    Minha sorte é que tenho um freezer onde guardei alguns alimentos para que não estragassem e onde puder fazer minhas encomendas.
    Minha indignação é como uma geladeira nova pode quebrar tão rápido, tive geladeiras usadas que nunca, NUNCA se quer quebraram.
    E procurando no google descobri que não estou sozinha que muitas pessoas estão com o mesmo problema e o pior o mesmo defeito, então acho que isso é um problema de fabricação.
    Agora pergunto o que devemos fazer ???
    Ficar no prejuízo ???

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s