Couscous do meu amor

Antes de postar os finalmentes do crumble, eu PRECISO dar o devido destaque a um fato excepcional: o verdadeiro chef da casa resolveu dar as caras. Porque aqui em casa, quem realmente é chef é o maridão – é ele quem inventa misturas diferentes, que curte as técnicas culinárias, que pica tudo milimetricamente. Ele é o poeta da cozinha, eu sou a redatora. Ele é o Da Vinci, eu sou a engenheira.

Artista, porém um tanto preguiçoso – só dá as caras de vez em quando (coisa de gênio, sabe?). E hoje ele resolveu assumir a cozinha. E fez um couscous com um monte de coisas que foi encontrando que ficou divino. Mas eu não vou repetir – quem quiser ver, dá uma passadinha lá no blog dele. E, para quem não conhece, eu convido a dar uma navegada pelo ano passado, pela época em que ele REALMENTE escreveu, porque além de tudo o carinha é um escritor de mão cheia e fez uma viagem excepcional ano passado!

Tendenciosa eu? Talvez um tantinho! Mas com um fundão enorme de verdade! Confiram no BloGui

Obrigada pelo almoço, mon amour!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s