Chrises

Hoje o assunto sou eu. Ou somos nós, as Chrises. Nunca como nas últimas 24 horas ficou tão claro para mim que este blog traz um pouco de várias facetas minhas. Por um lado os comentários das meninas gourmets, elogiando o meu post sobre os aperitivos estocáveis. Gente, vocês têm noção, essas meninas super prendadas todas elogiando as minhas dicas de praticidade explícita? Acho que pela primeira vez eu senti que eu agreguei algo de diferente nesse mundo tão rico dos blogs gourmets e prendados, mesmo que tenha sido na contramão das coisas maravilhosas que vocês fazem!

Depois foi o post do Otávio, reclamando a trégua do repente, que foi o primeiro plot de sustentação deste blog. Outra Chris, a Chris do grupinho do trabalho, a Chris que gosta de provocar e de (difícil admitir, mas) de ser provocada pela língua e teclado ferinos do amigo Odilon!

Por fim, o melhor: eu quase morri de emoção com o post ultra-híper-gracinha da Lelê, falando da construção de formiguinha da nossa amizade agora menos virtual. Lelê, o prazer foi mútuo, e eu não posso deixar de contar aqui o diálogo meu e do Gui antes do telefonema em questão:

– Chris, então você liga para a Lelê para explicar o conceito?

– Ok, ligo, mas primeiro você escreve para ela me introduzindo no assunto?

– Mas como assim, vocês falam o tempo todo?!?!?!?

– Gui, a Lelê nunca ouviu minha voz – acho que se eu me apresentar por telefone ela vai sofrer uma crise de dissonância cognitiva ao descobrir que eu efetivamente tenho uma voz!!!

Anúncios

8 comentários sobre “Chrises

  1. Cara amiga Chrises,

    enquanto a publicação familiar estiver restrita a sua pessoa não tenho como dividir os meus comentários ferinos. Pelo visto, apesar das Chrises, o seu estado de humor está admirável. Por acaso está praticando a técnica montessoriana do adeusinho para aquela coisa?

  2. Assim é que eu gosto, toma lá da cá, adoro esta festa. Basta uma provocaçãozinha e a resposta é imediata. Parabéns aos dois.

  3. Chris absolutamente todas as dicas são muito bem vindas…sabe que as vezes qdo vou receber acabo esquecendo dos obvios, das coisas simples porem charmosas que todos gostam! é maravilhoso lembrar q nao precisamos faezr maluquices pra receber bem! adoro!!bjos

  4. Muito bacana meu amor, teus posts de “entertaining” estão cada vez melhores mesmo, o papo com a Lelê eu achei muito bacana, agora só falta retomar a Confraria Literária!! 🙂

    Beijos mil

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s