Escrever e apagar, escrever e não apagar

Na sexta-feira eu escrevi uma longa carta de agradecimento a vários amigos, e mencionei um em especial, mencionando dentre outras coisas, a suavidade. Hoje eu queria responder o comentário de outra amiga, que divide em igualdade o mérito a esta adjetivação.

Katinha, minha vizinha de frente de todos os dias, a suavidade e a gentileza em pessoa. Já virou uma rotina e um exercício prazeiroso abrir o dia com um bate papo de preâmbulo e de fechamento do dia anterior, além das aulas mútuas, ela custa a acreditar, de finanças, economia e outros bichos esquisitos.

Me chamou muito a atenção ela comentar sobre o meu vício de apagar os meus textos, até mesmo porque, depois da bem-sucedida campanha do “troque o del pelo ctrl-v” eu nunca mais apaguei um texto. Daí a reflexão sobre o hábito e o exercício de escrever.

Não, não tenho mais apagado. Só tenho tentado abstrair, conforme as dicas do amigo ODILON a figura do leitor, e me concentrar no exercício de escrever e na sua importância para mim. Há dias e dias, e textos e textos. Não sei bem o porque escrevo, mas já são quase quarenta dias de produção quase constante, e sem muita reflexão até o comentário da Katia, na sexta ou sábado.

Eis que o amigo ODILON traz a questão à tona hoje, não a meu respeito, mas falando sobre si próprio. Eu não compartilho dos mesmos motivos e nem mesmo do mesmo grau de necessidade/ vontade de escrever, mas fiquei pensando sobre os meus. E eu acho que escrever me deixou não mais, mas melhor reflexiva. Explico. Continuo, como sempre fui, muito propensa a refletir, mas com um pouco mais de organização e clareza. Em síntese, me faz bem.

No dia em que migrei para cá o meu blog eu descobri a possibilidade de fazer o que eu sempre quis: ter um blog de acesso restrito, para ter somente um diário virtual, que somente eu lesse. Curiosamente, ele só tem o post do dia da sua criação. Eu simplesmente não me pergunto mais se as pessoas estão lendo. Talvez um dia caia a ficha e eu passe a escrever só lá, ou lá e cá. Por hora, está tudo bem assim.

Aproveito a deixa para comentar o comentário de outro amigo, o Otávio. Sobre as amizades virtuais. Um dos meus padrinhos de casamento foi não só virtual, mas interestadual por um bom tempo, sendo que a segunda vez que eu o vi pessoalmente foi no seu casamento, portanto, não me surpreendo com este vínculo – mas fico muito feliz pelo carinho. E aproveito para questioná-lo, já que a amizade ainda virtual me deixa um pouco receosa de usar com ele as táticas de persuasão usada com outros amigos, sobre quando ele vai instalar a sua própria residência virtual. A gente aceita pseudônimos, acesso com senha. A gente aceita até que você continue como eterno comentarista. Mas eu recomendo, por experiência própria e depoimentos de amigos em comum que você faça a experiência!

Anúncios

4 comentários sobre “Escrever e apagar, escrever e não apagar

  1. Passamos a terceira fase do treinamento em que a nomeação de personagens segue uma diretriz camiliana – o nome ODILON passa a ser grafado como o dos pobres mortais Odilon. A redenção chegou. E basta! Nada de evoluir para apelidos Di, Dylon, Odi ou onzinho. Bah, Bah, Bah…… Argh!!!!!!!!!!!

  2. Nosso amigo em comum ODILON,me fez entrar no mundo dos blogs.As evoluções vão surgindo.Até os desfibriladores evoluem.Feliz quem tem amigos.

  3. Eu não topo o desafio por pura timidez, falta de confiança, a celebre pergunta – o que eu tenho para falar que possa interessar a outras pessoas? – e também, como eu li em um post seu, o caso da “tabula rasa”, que é mais um problema sério.

    Bem como você pode ver, acho que vou ter que fazer bastantes seções de análise antes de poder ter meu próprio blog. Mais eu chego lá. Enquanto isto eu vou dando uma de abelhudo no blog dos amigos.

    []s (aprendi com vocês)
    Otávio

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s